Blog
Home      Blog
  29 de abril de 2022

 DOIS BRASILEIROS NOTÁVEIS


Antônio Ermirio de Moraes faleceu em 24 de agosto de 2014. Roberto Civita, pouco mais de um ano antes,  em 26 de maio de 2013 e seu pai Victor Civita,  em 24 de agosto de 1990, mesmo dia e mês do Antônio. Coincidência interessante! Mas a história desses dois brasileiros tinha muito em comum na forma de ver e descrever a vida, embora a sorte não tenha sorrido para ambos de forma igual. Antônio Ermirio, biografado  pelo seu amigo  José Pastore, além de,  enquanto empresário de sucesso, ter multiplicado em muitas vezes o patrimônio do grupo familiar e administrado com rara proficiência o hospital “Beneficência Portuguesa por mais de trinta anos,   deixou frases e exemplos marcantes. Ler sua coluna no jornal “Folha de São Paulo” aos domingos era um deleite. Roberto Civita, biografado por Carlos Maranhão,  foi igualmente  o responsável pelo legado deixado pelo pai e fez da Editora Abril o maior complexo editorial do país,   que reunia dezenas de títulos de revistas,  capitaneadas pela revista Veja. A importância da Veja era tamanha que  chegou a ter uma tiragem,  em dezembro de 2015,   de mais de 960.000 exemplares, ficando entre as três primeiras do mundo. A Abril,  após viver anos de muitas dificuldades e tirar de circulação  muitos periódicos,  acabou sendo vendida em 2019, para o empresário Fábio Carvalho. Roberto não viveu para assistir o seu infortúnio.  Os seus não muitos editoriais publicados na Veja eram uma verdadeira aula de jornalismo, mas também marcantes pelo seus traços indenes, profundos,  viscerais  e não lisérgicos. Os dois empresários contribuíram em muito para o país, mas apenas um teve o seu império fortalecido após a sua morte.  De Antônio Ermirio,  colacionamos algumas frases extraídas da sua biografia: “Nos negócios, os desentendimentos em família destroem mais do que a concorrência. Esta, a gente vence pela competência. Aqueles, só evitando. Para tanto, é preciso cultivar a tolerância.”  –  “A linha da humildade tem de ser maior do que a linha do sucesso.”  – “Ninguém pode se contentar com o que sabe. Você tem de ser um escravo dos melhores conhecimentos.”  – A empresa privada precisa do lucro e, se não for bem, quebra. A administração pública vive de recursos assegurados por decisões políticas. Nunca quebra.” –  “Não adianta querer descobrir os planos de Deus. Melhor fazem os que procuram aprender com eles.”  De Roberto Civita, destacamos: “Quando se aprende com ele, o erro é apenas uma parada no caminho do acerto. Erre melhor da próxima vez.” – “O mais importante é fazer o que você gosta. Dinheiro é consequência. Pensar antes no dinheiro, como único objetivo de acumular e enriquecer, é um erro fundamental. Se fizer isso, você acabará perdendo sua alma.” – “Para alcançar conhecimentos, adicione coisas todo o dia. Para alcançar sabedoria, elimine coisas todo o dia.” –  E por final, a frase do seu pai Victor,  que é  simplesmente de uma beleza singular e magistral. A conferir: “Olhe para este dia, pois ele é a vida. No seu curso rápido estão as verdades e realidades de uma existência: a benção do crescimento, a glória da ação, o esplendor da beleza. Pois ontem não passa de um sonho, e o amanhã é apenas uma visão. Mas o hoje, bem vivido, torna o ontem um sonho de felicidade e todo amanhã uma visão de esperança. Olhe, pois, bem então para este dia.”  Lindo não é mesmo?

VEJA TAMBÉM:
10 de maio de 2024
MÃE, SEMPRE COMEÇA COM “M”
10 de abril de 2024
FRASES QUE DIZEM MUITO – PARTE XII
26 de março de 2024
CRIME DA MALA, A VERDADEIRA HISTÓRIA
27 de fevereiro de 2024
FRASES QUE DIZEM MUITO – PARTE XI
19 de fevereiro de 2024
ANEDOTAS DE ADVOGADO
23 de janeiro de 2024
OS IRMÃOS QUE QUASE FICARAM MILIONÁRIOS

Solicite uma reunião com nossos
advogados especialistas:

Desenvolvido por BCS Desenvolvimento
Abrir bate-papo
Olá
Podemos ajudá-lo?