Blog
Home      Blog
  16 de maio de 2014

PAÍS DOS GOLPES


PAÍS DOS GOLPES

                                                        José Carlos Buch

Poder colaborar com a Middia Magazine e se comunicar com os leitores da revista, é uma alegria muito grande. Oxalá possamos não decepcionar o público tão seleto dessa tradicional e  importante publicação periódica.

A atendente da loja recebe um telefonema de uma interlocutora que se diz da Telefonica e que precisa atualizar os dados do telefone para figuração na lista. Informa o número da linha, o nome do titular e o endereço que são prontamente confirmados pela atendente. Em seguida, a interlocutora diz que vai enviar um cadastro com os dados confirmados através de fax para que seja assinado e devolvido, também via fax. Pronto, o golpe se materializa, porque na verdade o tal cadastro é um contrato de publicidade numa lista telefônica virtual que enseja um débito mensal na conta do titular da linha. Detalhe importante é que as escolhidas são sempre as telefonistas, secretárias, vendedoras e, nunca o dono do estabelecimento.  Esse episódio aconteceu em profusão Brasil afora e, ainda continua a acontecer. O lado positivo é que estas empresas,  tipo “arapucas”,  não oferecem resistência em cancelar o contrato quando se ameaça comunicar a Polícia e o Ministério Público, já que respondem a muitos inquéritos e até processos judiciais por essa prática delituosa. Se, sério fosse o nosso país, todas estariam fechadas e seus donos presos.

A usuária da linha de celular Vivo recebe uma ligação de uma interlocutora que se identifica como sendo da operadora TIM e alerta que duas faturas estão vencidas e estarão sendo apresentadas ao cartório para protesto,  se não pagas em 24 horas. Informa que a ligação, por questões de segurança, está sendo gravada e até fornece número de um suposto protocolo.  E mais, esclarece que maiores informações sobre o detalhamento da conta vencida  poderão ser obtidos no telefone 0800.., mas, para facilitar o contato,  é preciso mencionar o número do tal protocolo fornecido.  A usuária atônita que nunca teve qualquer contrato com a operadora TIM,  fica numa encruzilhada – pagar ou não pagar?  Felizmente foi acertadamente orientada a não pagar e nada aconteceu, como não poderia ser diferente.

O médico recebe uma ligação da representante de um tal guia médico anual com ameaça de que, existe um boleto bancário já vencido no valor de R$840,00 que, se não pago em 24 horas, será levado a protesto junto ao cartório. Diante da perplexidade do profissional médico, a charlatã avisa que se trata da publicação anual do tal guia cujo valor está sendo cobrado por força de contrato assinado no final do ano. E, acrescenta que pode esperar pela solução até o final do dia. Buscando orientação o médico recorre aos préstimos de um advogado que descobre tratar-se de flagrante falcatrua, caracterizado por mais um novo golpe que está sendo aplicado na praça, desta feita contra a classe médica.    

Nessa época do ano muitas micro e pequenas empresas recebem um boleto de cobrança de anuidade de uma tal Associação Comercial do Estado de São Paulo ou Associação Comercial do Brasil. É golpe puro e o destino mais indicado para o boleto é o lixo, assim como devem ser descartados quaisquer outros boletos de produtos ou serviços não solicitados, até mesmo aquele que traz consigo a foto linda de Nossa Senhora de Fátima e um tercinho, cuja associação remetente já foi desmascarada pelo Ministério Público, mas continua a operar.

Todos os casos relatados são reais e tem um fato em comum – só prosperam porque o nosso país é um paraíso para os aventureiros, vivaldinos e golpistas. E o exemplo vem de cima!

Espreitar de toda cobrança através de boleto que chega pelo correio; ignorar boletos que chegam pela internet e não se desesperar diante de ligações de ameaças de protestos, são medidas indispensáveis para não se  tornar vítimas dos golpistas que permeiam  soltos país afora.  Como leciona o Desembargador de São Paulo,  Dr. Carlos Henrique Abraão, “O Brasil é uma terra da impunidade na qual se planta corrupção e se colhe companheiros”. 

                                                                 advogado tributário

                                                        www.buchadvocacia.com.br

www.buchbook.blogspot.com        

                                                        buch@buchadvocacia.com.br

VEJA TAMBÉM:
10 de maio de 2024
MÃE, SEMPRE COMEÇA COM “M”
10 de abril de 2024
FRASES QUE DIZEM MUITO – PARTE XII
26 de março de 2024
CRIME DA MALA, A VERDADEIRA HISTÓRIA
27 de fevereiro de 2024
FRASES QUE DIZEM MUITO – PARTE XI
19 de fevereiro de 2024
ANEDOTAS DE ADVOGADO
23 de janeiro de 2024
OS IRMÃOS QUE QUASE FICARAM MILIONÁRIOS

Solicite uma reunião com nossos
advogados especialistas:

Desenvolvido por BCS Desenvolvimento
Abrir bate-papo
Olá
Podemos ajudá-lo?